quinta-feira, 29 de dezembro de 2011

Quarto das Crianças: Acabe com a bagunça!!


Chega de desânimo e brigas: manter o quarto do seu filho limpo e organizado é possível sim! Com paciência, criatividade e algumas estratégias, o pequeno aprende a deixar tudo em seu lugar. Confira as dicas da personal organizer Ana Afonso:

1 - Miudezas: use uma sapateira para guardar brinquedos pequenos. Pendure-a em uma altura que possibilite à criança fácil acesso.

2 - Bichos de pelúcia: pendure um barbante colorido entre dois ganchos fixados em paredes opostas, como se fosse um varal. Use prendedores de roupa coloridos para prender os bichinhos. Eles decoram o cômodo e, como estão em local ventilado, ficam livres de mofo.

3 - Jogos: guarde-os empilhados em prateleiras com divisórias, e não em caixas.

4 - Ganchos: instale-os na parede, em uma altura que a criança alcance, para que possa pendurar mochilas, pijamas, roupões de banho, jaquetas etc.

5 - Armário: separe áreas para uniformes, roupas de ficar em casa ou passear. Destine uma gaveta para cada tipo de roupa: meias, roupas de baixo, camisetas etc. Se seu filho ainda não sabe acertar na escolha das cores, pendure as roupas que combinam juntas.

6 - Cabideiros: instale-os em duas alturas dentro do armário. Acima, pendure as roupas de festa ou pouco usadas. Abaixo, as do dia a dia, para que a criança possa alcançá-las.

7 - Padronize os cabides: se mais de uma criança ocupa o mesmo armário, determine cores de cabide para cada uma e delimite o espaço.

8 - Instale uma sapateira: “Ensine seu filho a manter os pares de calçados juntos”, orienta Ana.

9 - Cesto para roupa suja: posicione-o em um canto do quarto. Se quiser, instale uma cesta de basquete sobre ele para motivar as crianças a executarem essa tarefa.

10 - Caixas e engradados coloridos: facilitam o acesso a carrinhos e outros brinquedos. Identifique as embalagens, para que seu filho saiba o que há dentro. Se ainda não for alfabetizado, utilize fotos, desenhos ou figuras.  


Créditos para:



 

domingo, 11 de dezembro de 2011

10 tarefas para quem tem pouco tempo

Aqui está uma lista de 10 tarefas para quem tem pouco tempo, mas fará uma enorme diferença em sua vida.
Comece adicionando em sua rotina diária e verá a grande diferença na organização de sua casa.

.Primeiro lugar toda manhã coloque sua roupa para lavar.
.Antes de ir trabalhar já coloque a roupa na secadora ou no varal.
.À tarde antes de começar o jantar tire dobre e separe as que não precisam ser passadas.
.Tenha seu cardápio do jantar programado toda manhã antes de sair de casa retire do freezer o que será preparado a noite, isto evita tempo perdido tentando decidir o que fará para o jantar.
.Faça uma lista de compras antes de sair de casa, e não volte pra casa sem elas, isto evita que você chegue em casa e tenha que sair novamente.
Faça também uma lista de contas a pagar e se possível pague na hora do almoço.
.Limpe a cozinha depois do jantar, embora você esteja esgotado dos trabalhos diários, é importante ter a cozinha em ordem. Não deixe esta tarefa para o dia seguinte, de manhã sempre é corrido pra ir ao trabalho, e enfrentar pia logo cedo não é fácil, até desanima.
Não esqueça que antes de sair de casa você precisa arrumar as camas. Imagina se não der tempo de arrumar a cozinha e você chegar à noite antes de preparar o jantar ter que lavar prato? Não deixe pra amanhã o que você pode fazer agora.
.Deixe sua sala em ordem toda noite, antes de ir pra cama, apenas 5 minutos você faz uma arrumação.
.Escolha uma hora, que você estiver mais tranqüila e sente-se com seus filhos, não deixe que eles fiquem distraídos na TV, é importante ter um horário para estudos, e assim você poderá dar um pouco de atenção a eles. Um bom horário é enquanto você termina a arrumação da cozinha após o jantar.
.Escolha a roupa que você vai usar no dia seguinte à noite, deixe arrumada, passada, sua e de sua família.
.Faça sua rotina antes de deitar, explique para seus filhos o que espera deles antes de dormir,
Pode ser tomar banho, escovar dentes colocar o pijama, e colocar roupas sujas no cesto.
Determine tudo de uma maneira que quando você disser que é hora de ir pra cama eles já saibam o que fazer. Assim você terá um tempo pra terminar suas rotinas enquanto eles fazem a deles. Se seus filhos precisarem de motivação, faça um esquema de recompensa pra quem cumprir suas rotinas à noite, para que eles possam se deitar por conta própria.
.Mantenha um bloco de anotações ao lado de sua cama para que possa anotar alguma coisa que lembre a fazer no outro dia, na manhã seguinte é só pegar o papel e por na bolsa pra fazer na rua.
.Arrume sua cama todos os dias, e ensine seus filhos arrumarem a deles também! Eles vão aprender a ter responsabilidades.
Assim a noite sua cama estará convidativa para você descansar.
.Comece devagar, acrescente 1 ou 2 atividades todo dia na sua rotina e logo sua casa estará convidativa, um lugar aconchegante! E você estará mais feliz, e talvez ainda sobre algum tempo pra você relaxar.
.                                          
Créditos deste texto para http://www.adoromeular.blogspot.com/

Evite desperdícios na cozinha e promova a sustentabilidade




Evite desperdícios na cozinha: procure consumir os alimentos por inteiro, desde o talo até as folhas. Veja como, aqui!

Muitas vezes, o desperdício de comidas acaba sendo excessivo. Se pararmos pra pensar, a quantidade de alimentos que jogamos fora entre folhas e cascas, sementes é espantosa, principalmente quando estas podem ser, às vezes, até mais completas em nutrientes do que o que consumimos.

Em um vocabulário mais simples, praticamente tudo o que acabamos dispensando pode ser reutilizado de uma forma adequada e mais proveitosa do que o próprio alimento que estamos lidando. Talos, folhas, sementes e cascas, são muito ricas em nutrientes, e principalmente os que nosso corpo mais precisa.

Os alimentos devem ser aproveitados 100%. Uma dica que pode ser muito interessante, é cozinhar os alimentos sem descascá-los. Dessa maneira a casca projeta a perda de nutrientes durante o processo, trazendo maior benefício a quem o consome.

Devemos consumir as frutas inteiras, exceto, claro, frutas como a banana. Pois o certo é não desperdiçar essas cascas e reaproveitá-las de outra maneira, como, por exemplo, em vitaminas, bolos, etc... Essas misturas podem parecer estranhas a primeira vista, mas com certeza não irão afetar no sabor do que for consumido.

O interessante é lembrar que tudo pode ser reaproveitado. Não se deve ter medo de experimentar. Apesar de parecer meio estranho, não podemos negar sem ao menos experimentar. Com tanta informação, o principal agora é testar e não ter medo de arriscar.
 

sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

DICAS PARA LIMPEZA DO BANHEIRO - DONNA SMALLIN



Mantenha seus produtos de limpeza a mão para faxinas diárias

- Mantenha o tasmpo da pia com o mínimo possível de objetos

- Ponha um cesto de lixo no banheiro para recolher o lixo de papel

- Jogue fora todos os produtos de beleza e banho que voce não usa mais. Tb é aconselhavel jogar fora todos os produtos que mudaram de cor ou consistencia, ou que estão com um cheiro esquisito.

- Mantenha os remédios e oputros ítens potencialmente prejudiciais longe do alcance das crianças.

- Lance mão de produtois para organizar seu banheiro, como prateleiras dentro do boxer e gavetas extras na bancada da pia.








Piso, vasos sanitários, pias e tampo
Esfregue pisos de azulejos ou linóleo com uma solução de 1 xícara de vinagre branco e 4 litros de água

Vaso sanitário- Derrame uma xícara de vinagre branco la dentro. Deixe o produto agir durante 5 minutos. Esfregue com uma escova e de descarga.

Pias e Tampo - Esfregue os tampos e a pia com um pano saturado de vinagre branco. Ou então molhe a pia, polvilhe-a ligeiramente com bicarbonato de sódio e use uma esponja ou um pano molhado para esfrega-la delicadamente. Enxague bem para remover todo o bicarbonato.












                                                 

terça-feira, 6 de setembro de 2011

Arrumação e limpeza diária da sala



Sua casa organizada em poucos minutos.

Logo no começo da manhã.
Depois que colocar a mesa do café, fazer uma arrumação superficial na sala.
  
Tirar: cinzeiros, copos, jornais, brinquedos, enfim tudo que esteja fora do lugar.
Molhar vasos que estejam secos.
Trocar a água dos vasos com flores cortadas.
Tirar as almofadas dos sofás, passar uma escova para retirar migalhas e sujeiras que caem no corpo do sofá entre as almofadas.
Bater as almofadas e deixá-las fofas.  
No horário que você reservou para limpar a sala:
Passar aspirador de pó nos tapetes.
Levantar a ponta dos tapetes para passar pano úmido no chão.
Passar pano úmido com desinfetante no chão. Em seguida passar pano bem seco até dar brilho.
Tirar pó das mesas e objetos. Recolocá-los no lugar.
Arrumar as cortinas se houver.
Dar uma olhada de longe para ver se está tudo no lugar de maneira harmônica.
Passar uma borrifada de qualquer aromatizante.
A sala deve estar bonita e agradável, 
e cheirando a limpeza.

8 dicas para decorar a casa nova



 
 
 
 
Quem casa quer casa, não é verdade? Nós vamos mais longe e ousamos dizer que quem casa, quer uma casa bem decorada e que seja um reflexo de si enquanto casal. Porém, um espaço que seja simultaneamente um refúgio para os dois e um local convidativo para receber família e amigos não se conquista num abrir e fechar de olhos. Mas felizmente também isso tem as suas vantagens porque grande parte do prazer da decoração é o próprio processo – um exercício criativo que será puro divertimento se ambos se entregarem, de corpo e de alma, à decoração da vossa casa nova.
Orçamento. Uma casa nova requer uma infinidade de coisas e, mesmo que a vossa lista de casamento tenha sido um enorme sucesso, vão continuar a faltar inúmeros objectos, desde toalhas de casa de banho, a quadros para a parede, a cortinados e candeeiros de tecto. Embora não seja necessário gastar rios de dinheiro para conseguir uma casa bem decorada, é importante estabelecer um orçamento para cada divisão. Assim, saberão onde querem e podem despender mais ou menos dinheiro e será sempre mais fácil na hora de fazer as aquisições de mobília, têxteis-lar e peças decorativas.
Prioridades. Para garantirem um quotidiano confortável e a vontade de voltarem para casa no final do dia, é importante decidirem que divisões vão decorar primeiro. No caso dos recém-casados, aconselha-se primeiro o quarto de dormir, seguido da sala e cozinha. Garantidos esses espaços, a casa já vai parecer o vosso lar, o vosso ninho, que depois devem continuar a decorar, à medida que o tempo e o vosso orçamento assim o permitir.
Pesquisa. Em vez de se limitarem a adquirir os elementos básicos para um determinado espaço – uma cama qualquer, um sofá à sorte ou uma mesa onde caibam os dois – dediquem algum tempo à pesquisa. O mundo da decoração está recheado de coisas lindas e inovadoras, por isso, façam questão de as descobrir todas, em vez de tomarem decisões precipitadas que, em poucos meses (quando já tiverem mais dentro da arte que é decorar!) se arrependerem. Vejam montras, revistas, catálogos e sites, inspirem-se e compilam, em conjunto ou em separado, uma pasta com tudo aquilo que mais gostavam de ver na vossa casa. Depois, analisem tudo e descubram onde existe sintonia e onde será necessário algum compromisso.
Estilo. Esta pesquisa inicial será um excelente investimento a vários níveis, um dos quais sendo a descoberta do(s) estilo(s) que mais apreciam e que os vai ajudar não só na aquisição de tudo o que precisam, como vos irá inspirar para tornar a vossa decoração pessoal e intransmissível. Saber exactamente o que procuram e qual o resultado final pretendido é um desafio em si próprio e cada peça conseguida será mais uma conquista… grande parte do encanto da decoração está no “ir fazendo”, ir comprando para ver o espaço a compor-se ao pouco, exactamente como sonharam.
Cores. A decoração é um mundo de formas, feitios, padrões, texturas e de cores, sendo que por vezes é tão difícil escolher uma palete de cores como uma peça de mobília ou um candeeiro. As cores contribuem para a definição de um ambiente como calmo ou jovem, divertido ou elegante e, por isso mesmo, devem ser ponderadas cuidadosamente. Peçam amostras de tintas e tecidos, experimentando- as sempre na divisão a decorar antes de tomarem decisões finais. Quando em dúvida sobre este ou aquele tom e como combinar diversas cores num só espaço, recorram à vossa pasta de inspiração.
Funcionalidade. O estilo e as cores que decidem aplicar na vossa decoração devem ter ainda em conta outro conceito importante: a funcionalidade. É essencial decidirem se querem uma casa requintada porque passam lá pouco tempo e vai servir apenas para receber visitas; ou então se preferem um espaço familiar e aconchegante, até porque pensam ter filhos muito em breve. Se o apartamento for alugado, talvez não vos convém mandar fazer móveis à medida ou então o senhorio pode não permitir pintar as paredes; por outro lado, se a casa for comprada, já não têm essas restrições e podem fazer outro tipo de investimentos.
Aproveitamento. Muitos casais trazem para a nova casa, mobília ou objectos da sua vida enquanto solteiros e, embora alguns possam enquadrar-se perfeitamente, outros podem nada ter a ver com o apartamento dos vossos sonhos. Por exemplo, quadros pintados por um de vocês no tempo da universidade ou um aparador herdado podem revelar-se uma adição original e económica na decoração do vosso ninho de amor. No caso de recordações mais “especiais”, poderão ter de entrar em negociações do género “se te livrares daquela poltrona toda velha e cheia de buracos eu devolvo a minha colecção de peluches à garagem dos meus pais”.
Cooperação. Embora um de vocês possa ter uma maior apetência ou gosto pela decoração, é fundamental que ambos participem na escolha das peças, cores e disposição da vossa casa – caso contrário, no final, um dos elementos do casal pode não sentir-se tão em casa como era suposto; pode sentir que as suas ideias não foram valorizadas e que o seu lar não é um reflexo do casal, mas sim da esposa ou do marido. O resultado podem ser discussões desnecessárias e/ou algo para ser usado contra o outro no futuro. Uma vez que a decoração da vossa nova casa se trata de um projecto tão especial e único, não vale a pena. Se o casamento é feito por duas pessoas, o vosso lar também o deve ser.
Cedências. À medida que cooperam na decoração da nova casa é natural que não estejam de acordo com todas as escolhas de tintas, da disposição do mobiliário no escritório ou do facto de um querer encher a vossa cama de almofadas e o outro desgostar tantos acessórios no mesmo local. O que fazer? Esgotar todas as hipóteses possíveis até chegarem a um consenso ou então fazerem cedências de parte a parte como por exemplo: “não me importo de ter esses sofás em pele escura no escritório se não te importares que eu decore a casa de banho de serviço num estilo mais feminino”.
 

quinta-feira, 18 de agosto de 2011


Rotina doméstica : Dicas de Martha Stewart
 
 

6 Coisas para fazer diariamente


Adquira o hábito de concluir essas tarefas básicas diárias. Com apenas alguns minutos, você será capaz de manter a casa sob controle.

Fazer a cama
Uma  cama arrumada faz o quarto todo parecer  em ordem e será menos provável que você deixe outras coisas como roupas e documentos fora do lugar.
Administrar  a bagunça
Sempre que sair de um cômodo certifique-se de que não deixou nada  fora do lugar. Colocar as coisas nos locais a que pertencem e insistir que todos na família façam o mesmo evita o acúmulo e a bagunça.
Organizar a correspondência
Abra, leia e organize  sua correspondência logo ao recebê-la . Isso evitará que assuntos importantes deixem de receber  a atenção adequada –  vencimento de contas, avisos, promoções. Jogue no lixo tudo o que não for de interesse.
Limpar a medida que for  cozinhando
Enquanto prepara uma refeição vá lavando os utensílios ao invés de acumular pratos e panelas  na pia. 
Remova as manchas enquanto estão frescas
Manchas e respingos de molho de tomate sobre o fogão, maquiagem no  banheiro, pasta de dentes no espelho: é mais rápido e fácil de limpar  se removidas imediatamente. 
Limpar o chão de cozinha
Ao final do dia, quando terminar de  lavar a louça, varra e  limpe o chão da cozinha. Isso facilitará a faxina semanal.


Créditos da tradução dessa postagem para www.anaafonsoorganizer.com.br


Aproveite o espaço debaixo da sua cama

Aproveite o espaço debaixo da sua cama
Você está com espaço insuficiente no seu quarto? Uma boa idéia é aproveitar o espaço embaixo da cama.
Utilizando caixas que você pode comprar ou mandar fazer sob medida com rodinhas, esse local pode ser otimizado para guardar e organizar seus sapatos, roupas de cama, toalhas de banho e peças do seu vestuário, que você usa pouco, como roupas da estação ou de festa.
Esta sugestão, quando bem aproveitada, não vai gerar bagunça ou prejudicar o visual do seu quarto. Quando essas gavetas ou caixas são adequadas, ficam escondidas e não interferem na decoração do ambiente.
Faça com caixas ou gavetas
O espaço livre, embaixo da cama, pode ser muito bem aproveitado.
No quarto das crianças, pode ser o local onde caixas guardam os brinquedos, facilitando que elas alcancem, sem precisar do auxílio de um adulto, especialmente quando os brinquedos estão em prateleiras altas.
Organizando os brinquedos
Se você tem facilidade para trabalhos manuais, pode fazer você mesma.
Nas casas que vendem materiais de bricolagem, você encontra painéis de madeira, rodinhas, prateleiras, etc. Assim, poderá fazer do tamanho e do jeito que quiser e mais se adequar as suas necessidades.
Faça você mesmo
Num espaço da sua casa, que antes só acumulava poeira, agora você tem a opção de armazenar seus objetos de forma organizada e criativa.
 
 
  

 
 

Sobre a limpeza no armário…

 

Eu sou super a favor de limpezas no armário! Acho importantíssimo uma “faxina” geral de tempos em tempos. Aquela que desocupa gavetas e cabides… abre caminh
o pra coisas mais úteis e mais necessárias pro momento de vida atual… tira do caminho um milhão de coisas que dificultam o dia-a-dia… enfim… aquela “faxina” que lava até a alma do nosso armário!
Mas não adianta se livrar de tudo e co
A gente acumula roupa desde sempre, né?
A gente acumula roupa desde sempre, né?
mprar tudo igual de novo! A faxina é ótima e produtiva quando a gente se desfaz do que não usa, mas tem em mente os motivos de ter tido aquela peça no armário! Não adianta nada se desfazer de meio guarda roupa por mês sem tentar entender as roupas que vão e as que ficam…. isso só contribui pro erro persistir e mais roupas (e dinheiro!) serem jogados fora no próximo mês!
Antes de se desfazer da montanha de roupas que não veem a luz do dia (ou da noite, né?) há séculos, vale olhar peça por peça e tentar achar um padrão nessas pecinhas que estão indo embora… Por exemplo:  uma cliente percebeu hoje  que TODAS  as blusas que ela tinha e não gostava eram largonas e muito soltas…. e todas que ela ama são mais justas ou mais abertas… E outra percebeu (essa foi semana passada!) que as blusas que iam embora não faziam falta porque restavam outras mil irmãs gemeas no lugar!!!
 Mas e daí?! E daí que todo mundo aprendeu com os erros do passado… as blusas largas, mesmo não agradando, continuavam a voltar pro guarda roupa e as irmãs gemeas cansavam, mas nunca iam todas embora!  E percebendo isso fica mais fácil não repetir o erro! E prestar atenção no que fica no armário, e porque fica…. Se a gente olhar com carinho e paciência começa a enxergar fatores em comum entre as peças que restaram… e esses fatores tendem a ser o que nos agrada e faz feliz! Conhecer o nosso gosto pessoal e aceitá-lo é o primeiro passo pra fazer mais compras certeiras e se enxergar nas roupas que veste! Porque tudo que a gente veste comunica, e tem que comunicar quem a gente é, não é mesmo?!
   
 

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...